A cravar conversas… à Maria! 🇧🇻

Hoje vamos conhecer a Maria! Mais uma aventureira que fez as malas e foi descobrir uma nova casa: neste caso em Oslo. Descobri a Maria graças ao Blogue “Lugar à Janela” e desde então que tenho lido com muito gosto tudo o que ela tem para contar, seja na Noruega ou pelo mundo. Espero que gostem:

(Aconselha-se a leitura desta conversa ao som de:)

Autobiografia: O meu nome é Maria e tenho 28 anos. Os meus amigos e as minhas irmãs chamam-me Mia. Sou portuguesa, da zona Oeste, mas mudei-me para a Noruega há quatro anos. No secundário estudei Humanidades e depois licenciei-me em Turismo e Desenvolvimento, por ter jeito para as línguas e gostar de trabalhar com pessoas. Sou uma eterna sonhadora e estou sempre à procura de novos desafios e a fazer planos para quebrar a rotina do dia-a-dia. Adoro ler, especialmente histórias de crime e mistérios. Também gosto imenso de escrever, ajuda-me a estar em contacto comigo mesma. Os lugares onde me sinto mais calma e completa são no meio da natureza. Nos últimos anos pude finalmente ter estabilidade financeira e boa companhia para começar a viajar, e é isso que me faz mais feliz. É por aí que os meus sonhos passam. Continuo a fazer planos e poupanças para riscar todos os objectivos da minha longa lista, porque a cada um deles cresço mais um bocadinho e ganho histórias para contar. A pedido de muita gente comecei a escrever um blogue sobre a minha vida na Noruega e as minhas viagens, e assim nasceu o Lugar à Janela. Acredito que a vida não pode ser medida por aquilo que fazemos por dinheiro, mas sim pelas coisas que nos fazem sorrir e o tempo que dedicamos a elas.

IMG_20151228_115529607_HDROslo. Imagem retirada do Post: https://lugarajanela.com/2017/09/28/como-visitar-oslo/

Uma: Como surgiu a oportunidade de ires viver para a Noruega?
Maria: Estava à procura de trabalho quando uma senhora no Centro de Emprego me perguntou o que achava eu de ir para a Noruega. Eu disse que não me importava nada de tentar. Ela falou-me de uma empresa que andava a contratar e eu enviei candidatura. Depois de duas entrevistas fui informada que tinha ficado com a posição, tratei das burocracias e eles marcaram a minha viagem para Oslo e ajudaram-me a encontrar casa. Foi tudo repentino e uma grande aventura.

sinnatagen-1“Sinnataggen”, escultura do parque Vigeland. Imagem retirada do Post: https://lugarajanela.com/2018/01/09/nortada/

Uma: Qual foi o teu primeiro sentimento e os teus primeiros pensamentos quando soubeste que te ias mudar para Oslo?
Maria: Uma intensa felicidade e euforia e ao mesmo tempo nostalgia e algum receio, sabia que a minha vida estava prestes a dar uma grande volta. Mas acima de tudo orgulho, por ter passado pelas entrevistas e ser seleccionada.

Uma: O teu companheiro de aventuras – o F – foi contigo ou foste encontrá-lo aí?
Maria: Nem uma nem outra. 😊 Eu e o F conhecemo-nos e começámos a namorar em Hamburgo, pois ambos fizemos um estágio por lá. Uns meses depois eu consegui o trabalho aqui, e tivemos que dizer adeus à nossa relação. Mais tarde tornou-se claro que estávamos mesmo apaixonados um pelo outro e começámos a fazer planos para ele vir ter comigo aqui, e assim foi! Um ano depois de eu estar cá ele mudou-se e fomos viver juntos para Oslo.

Uma: Como foi para ti viver uma relação à distância?
Maria: Muito difícil, penso que nenhum de nós acredita em relações à distância. As coisas só começaram realmente a funcionar a partir do momento em que decidimos voltar a estar juntos e víamos isso no horizonte.

IMG_20151023_134633800_HDRSognsvann

Uma: Voltando a Olso… O que é que foi mais difícil na tua habituação?
Maria: A luz e a comida. Com a luz a mais ou a falta dela (verão e inverno) sinto que o meu corpo fica desregulado e afecta-me o sono. E em termos de comida é difícil encontrar aqui ingredientes que para nós são normais, e tive que reformular a minha alimentação. No fim foi bom porque agora sou mais saudável.

IMG_9705Imagem retirada do Post: https://lugarajanela.com/2017/11/08/desavencas-gastronomicas/

Uma: Preferes as noites ou os dias grandes? Confesso que quando penso como se seria viver num país nórdico as horas de sol são o que mais me assusta!
Maria: Prefiro as noites porque com os dias longos é muito difícil dormir.

Uma: Não encontras muitos produtos portugueses à venda?
Maria: Não, praticamente nada.

Descobridores... de tremoços!Tremoços! Imagem retirada do Post: https://lugarajanela.com/2017/12/03/descobridores-de-tremocos/

Uma: Qual é o prato típico mais estranho na Noruega?
Maria: Cabeça de ovelha, é o prato típico de Natal nalgumas zonas do país. É muito, muito estranho… Pesquisa Smalahove!

Uma: De 0 a 20, qual a dificuldade em aprender Norueguês?
Maria: Não acho que seja uma língua super difícil, tem muitas semelhanças com o inglês e com o alemão, mas mais “rudimentar”. No entanto leva tempo uma pessoa apanhar o vocabulário todo, e o sotaque é muito difícil de acertar…

integração-1Imagem retirada do Post: https://lugarajanela.com/2018/01/17/integracao-falar-noruegues/

Uma: Que dicas darias a alguem que estivesse a pensar ir morar para aí?
Maria: Apesar de haver muita gente a tentar, este não é o país para vir à aventura à procura de trabalho. Procurem trabalho antes de vir, e de preferência aprendam a língua. Eventualmente vou falar sobre isto no blogue pois há muita gente que me vem fazer perguntas.

Uma: Qual é a tua palavra preferida em Norueguês?
Maria: Plutselig – significa “de repente” 🙂

Uma: Quando escreves algo, sentes que estás mais a comunicar com o outro ou contigo mesma?
Maria: No blogue é um bocadinho dos dois. Também escrevo só para mim, para organizar sentimentos e ideias.

Uma: Este ano passaste o Natal aí. Já te passou pela cabeça voltares a passar o Natal aí mas com uma visita da tua família?
Maria: Já sim. Adoraria!

IMG_0149A imagem foi retirada de um Post já mencionado, por isso sugiro este: https://lugarajanela.com/2017/12/24/o-nosso-natal/

Uma: Como é vivido o Natal na Noruega?
Maria: Com bastante intensidade. É a ocasião perfeita para iluminar tudo com as luzes de Natal, e como há muita escuridão isso empresta mais alegria aos lugares. Eles festejam a noite, o dia de Natal e o dia seguinte. Têm a sua comida típica, sempre à base de carne de porco e batatas, e comem uma espécie de arroz doce como sobremesa. Também é importante para eles que haja neve no Natal, para o ambiente ser perfeito. Durante a semana do Natal está tudo fechado, e quem trabalha deverá receber a triplicar, porque é uma altura quase sagrada e para estar com a família.

Uma: Aqui também se vive muito o Natal. Nunca vi a cidade tão bonita 😊 Vais muitas vezes a Portugal durante o ano?
Maria: Nem por isso, tento ir uma ou duas vezes por ano.

Uma: És uma pessoa muito dada à Saudade?
Maria: Já fui mais 😊

viaoooVista aérea de Lisboa. Imagem retirada de: https://www.instagram.com/lugarajanela/

Uma: O que é que levavas daí para Portugal e de Portugal para aí?
Maria: Levaria daqui para Portugal a honestidade e transparência da sociedade norueguesa. E de Portugal para aqui a luz do sol e as pastelarias!

Uma: Ponderas voltar para Portugal?
Maria: Não. É um bom país para visitar, mas não para viver.

Uma: Nem que te fizessem uma proposta de trabalho incrível?
Maria: Nesse caso talvez, mas teria de ser mesmo incrível 😊

Uma: E morar noutros sítios?
Maria: Sim. Gostaria de me mudar dentro da Noruega, ir mais para Norte. Também idealizo sempre uma ilha na Escócia ou a Nova Zelândia, mas mantenho as opções em aberto. Gosto de fazer as malas e mudar de vida.

Uma: O que é que te dá mais prazer: mostrar a tua cidade aos outros ou conhecer novos lugares?
Maria: Conhecer novos lugares.

IMG_8288Fotografia de Ålesund. Imagem retirada do Post: https://lugarajanela.com/2017/08/31/regressados-de-alesund/

Uma: Qual foi a cidade mais bonita que já visitaste?
Maria: Bergen, na Noruega.

Uma: Qual é o teu maior desejo para este ano?
Maria: É segredo! 😀

Uma: O que dirias à Mia de há quatro anos atrás?
Maria: Tem esperança, tudo vai ficar bem melhor e vais aprender muitas lições valiosas e descobrir a tua natureza.

Uma: Como descreverias o teu Blogue numa frase?
Maria: Norueguices, Viagens e Pensamentos Aleatórios.

kjuuj

Dois em Um!
Portugal Noruega
Uma cor Dourado Azul
Um sabor Carapau grelhado Batata doce frita
Um sítio Praia de São Lourenço, Ericeira Ekebergparken
Um cheiro Mar Natal
Uma música The Lumineers, “Angela” Dermot Kennedy, “After Rain”
Uma pessoa José Luís Peixoto Erna Solberg

Continuem a acompanhar as aventuras da Maria:
Blogue: https://lugarajanela.com/
Instagram: https://www.instagram.com/lugarajanela/
Facebook: https://www.facebook.com/lugarajanela/
Twitter: https://twitter.com/LugaraJanela_pt

Espero que tenham gostado de mais uma viagem!
Muito obrigada pela partilha Maria ❤

Advertisements

6 thoughts on “A cravar conversas… à Maria! 🇧🇻

Add yours

  1. Adorei conhecer a Maria! Também vou viver para o estrangeiro e estou ansiosa por saber que sentimentos vou ter entre o país natal e o estrangeiro!

    Parabéns por esta entrevista, um beijinho!

    Liked by 2 people

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

Create a website or blog at WordPress.com

Up ↑

%d bloggers like this: